NEWSLETTER

Como escolher peixe fresco para a Páscoa

Seguindo uma tradição católica milenar, muitas pessoas não comem carne de boi e de frango durante a Semana Santa. É comum, então, que os cardápios dessa época tenham peixe fresco e outros frutos do mar como “as estrelas do menu”. 

É o seu caso? 

Se sim, pode ser que nesse momento você esteja se perguntando: “o que eu preciso levar em conta na hora de escolher peixe fresco?”.

Normal. Afinal, essa decisão requer bastante cuidado e atenção, já que ninguém quer oferecer aos convidados refeições que não caiam bem, não é mesmo?

Portanto, hoje é dia de responder essa sua dúvida! 

A seguir, revelamos quais são as cinco questões que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco.

Esperamos que com as nossas dicas você faça a melhor escolha e, assim, possa preparar um verdadeiro banquete nesta Páscoa.

Vamos lá?

Leia também!

4 ideias de cestas de Páscoa para fazer em casa

5 questões que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco

Como escolher peixe fresco – Dicas para a Páscoa

Para escolher o melhor peixe para servir na Páscoa você deve analisar com atenção cinco aspectos dele. São eles:

– Odor;
– Pele;
– Olhos;
– Guelras;
– Firmeza

Siga a leitura e descubra o que você deve observar em cada um desses aspectos na hora de comprar peixe fresco!

Questão #1 que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco:
Odor

Existem pessoas que acreditam que mau cheiro é algo inerente aos peixes frescos, independente de sua qualidade. Porém, essa visão está equivocada. 

Peixe fresco de qualidade tem cheiro de maresia. Ou seja, se você sentir um cheiro ruim – semelhante à amônia ou iodo, por exemplo –, cuidado: este é um indício forte de que o peixe está velho.

Portanto, confie no seu olfato na hora de escolher o peixe para a Páscoa. 

#ficadica

Nas lojas Roldão você encontra uma excelente variedade de peixes (frescos e congelados) de qualidade para preparar seu cardápio de Páscoa. Clique aqui, saiba qual é a loja mais próxima de você e programe sua visita!

Questão #2 que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco:
Estado da pele

Dicas para escolher peixe fresco

O tom da pele varia de acordo com cada espécie de peixe. Contudo, há algumas coisas que são comuns a todos os peixes frescos de qualidade quando o assunto é a pele. Caso, por exemplo, do brilho, da firmeza e da umidade. Ou seja, peixe opaco, molenga e seco não deve passar no seu controle de qualidade.

Além disso, as escamas do peixe fresco não se soltam com facilidade. Para saber se o peixe do seu interesse está com as escamas firmes e bem coladas ao corpo, faça uma leve pressão com o dedo para sentir a consistência. 

Um peixeiro bom profissional vai gostar de ver você usando seu conhecimento para garantir uma boa compra!

Leia também!

Guia para armazenar alimentos na geladeira corretamente

Questão #3 que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco:
Olhos

Olhar nos olhos do peixe é fundamental para avaliar a qualidade dele. Afinal, acredite: os olhos falam – e muito.

Neste sentido, tenha em mente que as pupilas devem ser negras e os olhos, brilhantes. Caso os olhos estejam pequenos, sem brilho e até amarelados, definitivamente o peixe não está próprio para o consumo; deve ter passado muito tempo fora da refrigeração.

#ficadica

Os melhores produtos, com os melhores preços. É isso que você encontra no Roldão!

Confira as ofertas da semana clicando aqui e comece a fazer sua lista de compras.

Questão #4 que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco:
Guelras

Dicas do Roldão para escolher peixe fresco

As guelras estão localizadas nas laterais da cabeça do peixe. Um peixe fresco apresenta guelras vermelhas ou rosadas. Além disso, elas são brilhantes. Peixes “passados” – e, portanto, impróprios para o consumo – normalmente apresentam guelras escuras ou amareladas. 

Para averiguar a situação das guelras do peixe que você pretende comprar, basta levantá-las e buscar essas características.

Ah, e tenha em mente que as espinhas devem estar firmes e coladas à carne do peixe, e não se soltando facilmente. 

Questão #5 que você deve analisar na hora de escolher peixe fresco:
Firmeza do peixe

Peixe fresco tem corpo firme. Ou seja, se você apertá-lo, ele deve voltar ao normal rapidamente. Portanto, para fechar sua avaliação, não deixe de fazer esse teste.

E o principal: fique atento à região da barriga. Se ela estiver murcha ou inchada, procure outro peixe; aquele definitivamente não está fresco!

Comprar peixe fresco ficou mais fácil, não é mesmo?

Agora, é com você! 

Escolha os melhores ingredientes para seu almoço/jantar de Páscoa e curta muito esse momento em família ou com os amigos.

E não esqueça: nas lojas Roldão você encontra os melhores peixes e ingredientes para compor seu menu. Esperamos sua visita!

PS: Tem uma dica de receita gostosa para fazer com peixe fresco?

Deixe um comentário! Outros leitores podem se inspirar na sua ideia e garantir uma Feliz Páscoa colocando ela em prática. 😉

Imagens: Envato Elements

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Cadastre-se e receba conteúdo exclusivo para você, sua casa ou seu negócio.


linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram